Capoeira Angola: Mito e Magia

.
A força espiritual da Capoeira Angola foi uma das coisas que mais fez pulsar meu coração quando conheci essa tradição. Cada roda é um mergulho interior que vai bem fundo na alma, dependendo da disposição de se trabalhar. Como diz Mestre Pastinha: “Capoeirista não é aquele que sabe movimentar o corpo, mas sim aquele que deixa o corpo ser movimentado pela alma”. Pra isso, há que se treinar, ouvir, treinar, ouvir e aprender, aprender muito com os erros, as rasteiras, os camarás e @s professor@s e mestr@s que dedicam suas vidas a esse caminho.

A espiritualidade na Capoeira Angola é um tema recorrente em alguns estudos e “papoeiras”. Um pouco sobre esse tema está no vídeo Capoeira Angola: Mito e Magia, com a palavra de mestres e com imagens do ritual da capoeiragem: a roda. O vídeo foi realizado pelo projeto Corpopular.


Inspiração para uma nova ladainha:

Capoeira é ritual
Onde não tem perdedor
Na roda a força chega
Porque o berimbau tocou

Traz presença ancestral
Com atabaque e agogô
E pandeiro e reco-reco
Harmonia de valor

Energia vem do canto
É antiga tradição
Capoeira de Angola
Não se perde na missão

Roda traz aprendizado
Pra quem joga com respeito
E aprende bem com o mestre
Pra saber fazer direito

É magia, e tem mandinga
Jogo espiritual
Que se forma com a roda
E espanta todo mal

Quem tá fora não entende
Quem tá dentro se conhece
Capoeira só liberta
O jogador que merece,

Camaradinha…
Viva Meu Deus!

Key Dias

Um comentário sobre “Capoeira Angola: Mito e Magia

  1. Pingback: “De prática subversiva a símbolo nacional”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s