DESAVERSOS (POESIAS)

, presentes!

Nenhuma a menos
É um grito necessário
Olha no noticiário
Ainda ousam nos matar
Pois gritaremos
E nem chame de exagero
O machismo é um vespeiro
Mas você vai escutar

O nosso canto
Nossa força, nosso grito
Nossa luta, nossos ritos
Até depois disso acabar
Nós despertamos
O silêncio foi quebrado
E os direitos conquistados
São passos do caminhar

Continuamos
Por todas e pela vida
Por Magô e Margarida
Por Mariele, presente
Transformaremos
Nossa dor em rebeldia
Até que a covardia
Sussurre longe: ausente.

Janeiro/2020


Maria da Glória Poltronieri (Magô) foi assassinada no dia 26 de janeiro de 2020, em Maringá (PR). Foi vítima de feminicídio em um momento de rito e de conexão da sua alma com a natureza. Infelizmente, mulheres ainda são violentadas todos os dias. Não conheci Magô, mas falo dela aqui pela proximidade com a Capoeira e amigos em comum. Por ela e por todas, em todos os cantos do mundo, cantamos, poetizamos, rezamos, pintamos e gritamos: #paremdenosmatar.

Arte: Gabriela Tornai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s