ESCRITURAS

Seiva

Ir em direção àquela,
que ninguém vê.
Raiz,
tronco,
superfície.
A seiva
que sobe
e desce.
Ontem vi…
um pouquinho.
Amanhã,
quem sabe.

Março de 2022

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s